segunda-feira, 19 de março de 2012

Crer!

  A chuva que cai tem deixado o dia tão triste, assim como cada pensamento que me vem à mente me fazem lembrar situações difíceis em que acabei por decepcionar a mim mesma - A maior dor: A acusação da mente contra si próprio.
  Tenho tentado a cada dia me livrar do fardo dos maus pensamentos, do arrependimento por ter me comportado insensatamente, quando agi e falei coisas sem pensar, nem medir as consequências... é, o ser humano é uma lástima.
   Mas o que tenho observado, mesmo me sentindo tão triste nesses ultimos dias, é que há alguem que se importa com a minha dor, que se importa em tentar me ajudar a consertar as coisas erradas que eu fiz, mostrando-me um amor incondicional e grande, muito grande.
   Parece estranho, sim, acho muito surreal: Pensar em meio a problemas, que todas as coisas se resolverão bem, que haverá paz e felicidade em meu coração, que todos os machucados da alma serão sarados; Acreditar, mesmo sem saber como, que a paz reinará ainda, e que o amor se fará ouvir.
   E me sentindo esmagada por problemas que parecem tão infinitamente grandes, Ele vem, com toda doçura de um pai amoroso e carinho e me diz:
   Mesmo que seja impossível de entender como, crer!
   Assim o Senhor Jeová tem enchido o meu coração de esperanças.
   
   Baruch HaShem, YHWH Nissi!

Nenhum comentário:

Postar um comentário